Matérias que caem no Enem


Para fazer uma boa prova no Exame Nacional do Ensino Médio o aluno precisa entender como são elaboradas as questões e também as Matérias que caem no Enem para que você possa estudar. A concorrência é um grande problema, se você não estiver preparado certamente não fará uma prova que corresponda as suas expectativas e que permita que consiga uma boa nota.

Atualmente as provas do Enem contam com 180 questões mais uma redação. O conteúdo abordado é tudo aquilo que foi estudado durante o ensino médio, a dica é sempre selecionar os tópicos dentro de cada disciplina que podem ser aperfeiçoados ou explorados. Não gaste todo o seu tempo apenas estudando aquilo que tem dificuldade ou em coisas que já domina, a organização é fundamental.

publicidade

Matérias que caem no Enem



Matérias que caem no Enem 2017

Nós preparamos uma relação de tópicos divididos entre as matérias que possuem grandes chances de cair na prova. Através destes tópicos, você poderá identificar o que terá que estudar e tirar o máximo de proveito de seu material didático para fazer uma boa prova:

publicidade

Matemática

  • Sistemas e Problemas
  • Álgebra
  • Raiz Quadrada
  • Equações de 1º e 2º grau

História

  • História Geral
  • História do Brasil

Geografia

  • Coordenadas Geográficas
  • Oriente Médio – Conflitos e Políticas
  • População Rural, Urbana e IDH
  • Globalização
  • Capitalismo e Socialismo

Português

  • Gramática
  • Literatura

Física

  • Termologia
  • Mecânica
  • Escalas Termométricas
  • Amperímetro e Volímetro
  • Eletricidade

Biologia

  • Citologia
  • Biologia Vegetal e Biologia Animal
  • Genética

Química

  • Modelo Atômico de Dalton, Thomson, Rutherford, Rutherford-Bohr
  • Elementos Químicos e Tabela Periódica
  • Estrutura do Átomo e número atômico, número de massa, isótopos

É claro que a relação destes conteúdos é importante e podem representar muito daquilo que precisa ser estudado, mas eles podem não representar a sua totalidade, por isso é recomendável que o candidato busque um complemento para se preparar da melhor maneira possível. Apostilas atualizadas com conteúdos que foram preparados para o ano que você irá prestar o Enem deve ajudar muito.

Refazer as provas anteriores é um grande auxílio para se familiarizar com o estilo das questões e encontrar o melhor caminho para resolvê-las da maneira correta e no menor tempo possível.  Mantenha-se sempre antenado nas principais notícias através de jornais, internet, revistas ou qualquer outro meio de comunicação que lhe permita ficar informado, este é um passo essencial para o desenvolvimento de uma boa redação sem conteúdos redundantes.


Quer fazer agora mesmo um Curso Preparatório  para o ENEM ?
7 Dicas para ir bem no Enem


Matérias que caem no Enem – Redação

Manter-se bem informado sobre as principais notícias do mundo pode lhe ajudar a escrever sobre o tema que será revelado somente na hora da prova. A banca busca alunos que possuem visões críticas e saibam defender o seu ponto de vista através de bons argumentos.

O Enem utiliza o formato de redação de dissertação-argumentativa, a dica é escolher uma tese inicial e desenvolvê-la ao longo de seu texto com argumentos que reforcem aquilo que já foi trabalhado inicialmente.

Experimente treinar simulando as condições do exame e fazendo redações no formato proposto e com um limite mínimo de 30 linhas. Aproveite também para medir o tempo que você leva para desenvolver a sua redação para saber mais ou menos o quanto esta etapa deverá consumir dele no dia da prova, racionando você terá condições de aproveitar o máximo do que lhe foi fornecido para a resolução das questões e a elaboração de uma redação de acordo com os padrões propostos.

Atente-se aos motivos que podem levar os alunos a terem a sua redação anulada ou tirar nota zero:

·         Fugir do tema proposto;
·         Não fazer uma redação em outro formato diferente da dissertação-argumentativa;
·         Desrespeitar os valores humanos e a diversidade sociocultural;
·         Deixar a folha de redação em branco (acontece em alguns casos em que os alunos mantêm a sua redação na folha de rascunhos e esquecem de passar para a definitiva);
·         Escrever uma redação muito abaixo do mínimo de linhas recomendado, sendo considerado “texto insuficiente”;
·         Fazer cópias dos textos de apoio, neste caso o plágio será desconsiderado na parte de correção e de contagem do mínimo de linhas;
·         Ter desenhos ou outras formas propositais de anulação.

Leia os textos de apoio com muita atenção para não fugir do tema proposto, geralmente candidatos que não escrevem sobre aquilo que lhe foi solicitado é porque apresentam problemas de interpretação. Procure sempre o auxílio de revistas, jornais como forma de integração à rotina de estudante.

Assista o vídeo e fique por dentro das mudanças do Enem 2017:

publicidade

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*